SOBRE O PROJECTO: UMA INTRODUÇÃO

O ICT ENTREPRENEUR é um projeto inovador que ambiciona ter uma aplicação prática depois de desenvolvido. É financiado pelo ERASMUS+, programa 2014, na chave de ação “Cooperação para a Inovação e Partilha de Boas Práticas”. O projeto foi implementado por 7 parceiros, de 5 países diferentes da União Europeia (Chipre, Espanha, Portugal, Alemanha e Reino Unido), com o objetivo de desenvolver um programa de empreendedorismo inovador para os estudantes/ formados em TIC, providenciando-lhes novos caminhos profissionais. Estes jovens terão ainda a oportunidade de desenvolver as suas competências transversais e perceber como funciona o ambiente de trabalho de um empreendedor!  

 

DETALHES DO PROJECTO

Através de uma análise profunda dos programas de empreendedorismo existentes, aceleradores e incubadoras, dentro e fora da União Europeia, o ICT ENTREPREUNER vai identificar a lacuna existente entre os países do Sul da Europa e as boas práticas que já existem nos países do Norte da Europa.  

 

Posteriormente, será desenvolvido um novo programa pré-acelerador - de grande qualidade! - para os estudantes/ formados em TIC. 

 

No desenvolvimento do programa ICT ENTREPRENEUR (o primeiro do seu género), serão atingidos os seguintes objetivos:

 

  1. Promoção de um espírito empreendedor e desenvolvimento de competências transversais (hard and soft skills) para os estudantes/ formados em TIC na Europa. 

  2. Aumentar os níveis de empreendedorismo dos estudantes nas Universidades Europeias 

  3. Identificar os obstáculos que os estudantes/ formados em TIC enfrentam ao transferir as descobertas dos seus projetos das várias disciplinas para ideias de negócio. 

  4. Apoiar a partilha de conhecimento entre instituições de ensino superior e empresas. 

  5. Desenvolver novos métodos de ensino e técnicas de educação para o empreendedorismo. 

  6. Transferir as boas práticas dos países do Norte da Europa (Reino Unido e Alemanha), que têm uma vasta experiência em programas de empreendedorismo e aceleradores, para os países do Sul da Europa (Chipre, Espanha e Portugal). 

  7. Abrir novas oportunidades de aprendizagem através da aplicação prática das competências empreendedoras aprendidas.

 

Quais são os elementos inovadores do ICT ENTREPREUNEUR?

 

  • Não existe nenhum programa de empreendedorismo deste género, que utilize as boas práticas dos países do Norte e Sul da Europa, ao nível da União Europeia. 

  • Envolvimento de académicos e pessoas do meio industrial na co-criação do conteúdo da formação. 

  • Enriquecimento do curso com as competências empreendedoras necessárias (hard and soft skills). 

  • Utilização e avaliação das boas práticas desenvolvidas em determinado número de aceleradores e centros de empreendedorismo na Europa e fora da Europa. 

  • Desenvolvimento de um programa de formação de alta qualidade, especificamente elaborado para estudantes/ formados em TIC. 

  • Utilização de abordagens efetivamente didáticas, como estudos de caso reais, actividades de mentoring e coaching, etc.  

  • Utilização do poder dos média para criar sensibilização e desenvolver uma imagem mais positiva dos empreendedores.  

 

Quais são as ACTIVIDADES PRINCIPAIS do ICT ENTREPRENEUR? 

 

  1. Identificar as potencialidades, fragilidades, lacunas e boas práticas dos programas de empreendedorismo existentes. 

  2. Preparar a primeira versão do programa ICT ENTREPRENEUR. 

  3. Fazer um teste piloto do programa de formação em 5 países (Chipre, Alemanha, Portugal, Espanha e Reino Unido), com a participação de 20 estudantes/ formados em TIC de cada país.  

  4. Receber feedback, por parte dos participantes, a respeito da qualidade do programa de formação. 

  5. Desenvolver a versão final do programa ICT ENTREPRENEUR, que será providenciada em formato papel e online.  

  6. Os 5 participantes principais de cada país irão participar na Final ICT Entrepreuneurship Academy and Business Competition, que terá lugar no Chipre.  

  7. Será implementada uma campanha de comunicação e media, com muitas atividades de disseminação por toda a Europa, dirigidas ao nosso público alvo principal.  

 

Quais são os RESULTADOS e o IMPACTO ESPERADOS? 

 

  • Desenvolver competências empreendedoras a 100 estudantes/ formados europeus. 

  • Acompanhar estes jovens na criação das suas próprias empresas.  

  • Providenciar um curso na forma de programa pré-acelerador para aceleradores, incubadoras, universidades, etc.  

  • Servir de exemplo de boas práticas e modelo de formação para Parcerias Estratégicas e outras iniciativas da União Europeia na área do empreendedorismo.